LOJÃO OBA OBA

LOJÃO OBA OBA

segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

POLICIA CIVIL INVESTIGA ESTUPRO PRATICADO CONTRA CRIANÇA DE 3 ANOS.


A Polícia Civil vai abrir inquérito para investigar a autoria de estupro a uma criança de apenas três anos em Assis Chateaubriand, no Oeste do Paraná. O suspeito é parente da mãe da vítima. O crime teria ocorrido no último domingo (28). 
O abuso sexual foi descoberto pelos avós da garota. Eles contaram que levaram a menina ao chuveiro para tomar banho à tarde, quando notaram que havia sangramento vaginal e sinais de dor no local.  Ao perceberem o suposto estupro, eles a levaram ao Hospital Beneficente Moacir Micheletto, cuja equipe médica reforçou a suspeita. À Polícia, os avós apontaram um parente da mãe da menina como responsável pelo crime. O homem é dependente químico e envolvido em diversos crimes graves na cidade. 
Apesar da suspeita, os avós não sabiam informar se a criança havia tido contato com o suspeito no domingo. Um conselheiro tutelar acompanhou o caso, que será investigado pela Polícia Civil. O homem apontado pelos avós ainda não foi localizado.


Trio agride e sufoca idosa com cinta durante assalto e um dos bandido tenta estuprá-la



A ação que revoltou os moradores da cidade de londrina começou por volta das 23h15, quando o filho da moradora ouviu um barulho vindo dos fundos da casa. Ao sair para verificar, se deparou com três homens armados dando voz de assalto.  O primeiro usava touca preta e estava com o rosto escondido através de uma camiseta de cor azul. O segundo suspeito era branco, magro e vestia calça jeans; o último tinha rosto fino, olhos castanhos e usava jeans desbotado e sujo. 
Ao invadir a casa, o trio amarrou o filho da vítima e o deixou trancado em um dos cômodos. A senhora foi feita refém e obrigada e entregar os pertences da família. A todo momento, os criminosos a agrediram com chutes, tapas, socos e coronhadas na cabeça. Uma cinta, inclusive, foi usada para sufocá-la. 
A senhora também contou à Polícia que um dos ladrões começou a acariciá-la, na tentativa de manter relações sexuais com ela. Porém, o segundo criminoso impediu o comparsa, a amarrou e a trancou junto com o filho no banheiro.  Foram levados celulares, R$ 2 mil em dinheiro, 20 peças de roupa masculina, três bolsas, seis relógios, três pares de tênis, um notebook, quatro perfumes e uma blusa. A Polícia Militar efetuou buscas no entorno mas não encontrou os suspeitos.
Ft: Bonde